Revista UFO - Portal da Ufologia Brasileira - A mais antiga revista sobre discos voadores do mundo

ARTIGO

Por Alan Foster

Pilotos, tripulações e controladores de tráfego aéreo relatam UFOs

Durante décadas pilotos civis e militares têm passado por situações inusitadas nos céus, encontrando UFOs que supostamente não deveriam existir, sem que ninguém os tenha preparado para isso.

Categoria: MILITARISMO | PERSEGUIÇÕES | RELATOS | TESTEMUNHOS | UFOs E AVIAÇÃO

No amplo espectro dos relatos de UFOs recolhidos durante décadas, os que são mais bem considerados pela Comunidade Ufológica Mundial são justamente aqueles que vêm de tripulantes de linhas aéreas comerciais e de pilotos militares, devido às suas garantidas habilidades profissionais de discernir aeronaves de todos os tipos, fenômenos aéreos incomuns e condições meteorológicas exóticas como parte de seu trabalho, tanto de dia quanto à noite.

O doutor Richard Haines, da entidade norte-americana National Aviation Reporting Center on Anomalous Phenomena (Narcap), tem provavelmente o maior arquivo de testemunhos deste tipo de caso ufológico, envolvendo pelo menos 3.500 pilotos de todo o mundo. E, contudo, isso provavelmente seja apenas uma fração da quantidade de profissionais de aviação que já avistaram UFOs, pois muitos nunca relataram suas experiências — em inúmeros casos nem mesmo ao controlador de tráfego aéreo que cobria a aerovia na qual trafegavam no momento dos incidentes O preparo dos pilotos

 

O PREPARO DOS PILOTOS

 

Até pouco tempo atrás havia um medo real de se relatar avistamentos de UFOs que permeava a indústria aérea e o meio militar, particularmente antes dos anos 90, quando os pilotos civis eram ameaçados pelas empresas com punições e até demissão, e os militares com multas de 10 mil dólares ou 10 anos de prisão, ou ambos, caso falassem com a mídia sobre os UFOs. De certa forma, a pressão ainda continua hoje, porém menor. O testemunho do capitão Ray Bowyer, que voava na companhia Serviços Aéreos Aurigny e viu dois UFOs a dois quilômetros de distância de Guernsey, nas Ilhas do Canal, em 23 de abril de 2007, foi um caso raro, amplamente relatado pela imprensa. Ao conversar com o capitão Bowyer, fica claro que se tratou de um evento de alta relevância. E ao conversar com outros pilotos da Aurigny, todos disseram que não só acreditam no testemunho de Bowyer como também creem que o relato viera à tona porque a mídia de Guernsey era mais aberta e não tão controlada pelo governo.

 

 

crédito: EDITORIA DE ARTE
Atenção
Para continuar lendo este artigo, você deve se cadastrar no Portal UFO.
O cadastramento é gratuito e dá acesso a todo o conteúdo do site. Basta clicar aqui.
Caso já tenha cadastro, conecte-se na home do site ou clique aqui.
ENQUETE
  GENIAIS.COM   
Edição 258
Sumário Edições anteriores

CENTRAL DE ATENDIMENTO

(67) 3341-8231
Horário: das 09h00 às 18h00, de segunda a sexta (exceto feriados)

FORMAS DE PAGAMENTO

Formas de pagamento

NOTÍCIAS MAIS VISUALIZADAS

+ NOTÍCIAS
2011 © Editora Evolução Ltda.
Todos os direitos reservados. Termos de Uso. Declaração de privacidade.