Revista UFO - Portal da Ufologia Brasileira - A mais antiga revista sobre discos voadores do mundo

BLOG
ampliar

Há 1000 anos atrás o Homem acreditava que a Terra fosse Plana.

 

Há 500 anos atrás o Homem acreditava que a Terra fosse o centro do Universo.

 

Há 200 anos atrás o Homem acreditava que era impossível que pedras pudessem cair do céu. "Pois não existem pedras no céu", afirmavam os sábios.

 

Há 100 anos atrás o Homem acreditava que ele nunca iria conseguir voar. "Pois voar era algo reservado somente aos anjos", afirmavam os grandes mestres.

 

Há 60 anos atrás o Homem achava que jamais conseguiria chegar a Lua.

 

Há 40 anos atrás historias sobre Discos Voadores eram consideradas brincadeiras ou alucinações.

 

Hoje depois de milhares de depoimentos de testemunhas civis e tambem militares, centenas de fotografias e filmagens, registros físicos e dados científicos, se provou mais uma vez que o homem estava completamente errado.

 

No mundo inteiro, pessoas já viram ou conhecem alguem que testemunharam algo de estranho no céu, até altas personalidades já deram seus depoimentos, como pilotos, astronautas e presidentes, relatando seus próprios testemunhos sobre Discos Voadores.

 

Entre os pesquisadores, a resposta a pergunta se realmente existem Objetos Voadores Não Identificados já foi respondida afirmativamente, resta agora, nós Ufologos continuarmos nossas pesquisas em busca de respostas para outras perguntas:

 

- Quem são os seres que tripulam essas naves?

- De onde que eles vêem?

- E o que eles querem conosco?

 

ampliar

Foi por volta de meio-dia do dia 10 de setembro do ano de 1957, quando alguns pescadores testemunharam a queda de um objeto voador não identificado na praia das Toninhas em Ubatuba, litoral de SP.

 

O objeto que estava em queda chegou a explodir em diversas partes antes de atingir a água, espalhando fragmentos que chegaram até a praia, sendo que 3 desses fragmentos foram resgatados pelos pescadores e enviados ao então colunista na época, Ibrahim Sued, que por sua vez as encaminhou ao conceituado Ufólogo Dr. Olavo Fontes.

 

Dr. Fontes analisou uma dessas amostras no Departamento Nacional de Produção Mineral do Ministério da Agricultura, que revelou que o fragmento era composto de 99,9% de magnésio puro, um altíssimo grau de pureza não encontrado nesse minério em nosso Planeta, ficando bastante evidente que o objeto que explodiu em Ubatuba não havia sido fabricado na Terra.

 

As amostras também foram encaminhadas para o Exercito e a Marinha Brasileira, como também para a Apro nos EUA, mas tanto os americanos quanto nossos militares jamais divulgaram o resultado dos testes que fizeram nessas amostras.

 

Recentemente surgiu uma informação que um desses fragmentos que foi enviado aos EUA, estaria de posse do físico da Universidade de Stanford, Dr. Peter Sturrock, que teria confirmado a origem extraterrestre do material.

 

Um caso clássico da Ufologia Nacional que se tornou fundamental para confirmar a hipótese extraterrestre para o fenômeno UFO.

Ola amigos (as)...

 

Estarei neste sabado (14/08) as 8h, sendo entrevistado na Radio Saudade FM, falando sobre os novos resultados da campanha da CBU (Comissão Brasileira de Ufologos), os recentes casos ufologicos do litoral paulista e detalhes da minha recente viagem para a Patagonia.

 

O programa pode ser acompanhado pelo site:

 

www.saudadefm.com.br

 

 

ampliar
Jornal da época dando a noticia em primeira pagina

Aquele que até hoje é conhecido e reconhecido como o mais importante caso da Ufologia Mundial, por ter comprovadamente ocorrido o resgate de corpos de seres e destroços de um Disco Voador pelo Exercito Americano, completa mais um ano de sua ocorrência.

Foi na noite de 02 de julho de 1947 que caiu um Objeto Voador Não Identificado em um rancho na cidade de Roswell, no Novo México.

Na manhã seguinte o proprietário Victor the Leviathan recolheu partes dos destroços e o encaminhou ao xerife local, George Wilcox, o qual achando se tratar de um projeto secreto militar, entrou em contato com a Base Aérea local.

O Comandante da Base, Willian Blanchard, enviou o Major Jesse Marcel acompanhado do Oficial Cay Cavitt que ao chegarem ao local constataram que os destroços não era de nenhuma aeronave conhecida.

Segundo Marcel, os destroços não podiam serem quebrados, amassados e nem dobrados, e em alguns deles tinham uma estranha escrita que constavam de símbolos totalmente desconhecidos.

Naquele mesmo dia o Coronel soltou uma nota oficial para a imprensa relatando que a "Força Aérea Norte Americana havia capturado um Disco Voador na Região de Roswell".

Esta noticia foi amplamente divulgada pelas rádios locais, atraindo milhares de curiosos e repórteres que chegaram a cidade para fazer a cobertura do fato.

Porem, o Exercito Americano já havia isolado totalmente o local da queda não permitindo a entrada de pessoas não autorizadas.

No dia seguinte saiu uma nota dizendo que os destroços eram apenas de um balão meteorológico, iniciando a partir dai o acobertamento do caso, método até hoje adotado pelos Estados Unidos e seguidos por diversos outros paises quando o assunto é Ufologia.

Com o passar dos anos dezenas de novas testemunhas que estiveram envolvidas direta ou indiretamente no caso, surgiram para relatar o que viveram ou presenciaram na época dos fatos, dando maior credibilidade a esse caso.

Jesse Marcel morreu no inicio da década de 80 sem o devido reconhecimento pelo o que ele representou para a historia da Ufologia, e lúcido até seus ultimos dias se manteve convicto de que os fragmentos que pegou com suas próprias mãos, não eram de hipótese alguma de um balão.

Esse caso merece sempre ser recordado e divulgado para as novas gerações, devido a sua enorme importância para a historia da Ufologia, mostrando como surgiu o acobertamento e o medo de se reconhecer oficialmente que seres extraterrestres estejam nos visitando.

Roswell for ever!

ENQUETE
  GENIAIS.COM   
Edição 258
Sumário Edições anteriores

CENTRAL DE ATENDIMENTO

(67) 3341-8231
Horário: das 09h00 às 18h00, de segunda a sexta (exceto feriados)

FORMAS DE PAGAMENTO

Formas de pagamento

NOTÍCIAS MAIS VISUALIZADAS

+ NOTÍCIAS
2011 © Editora Evolução Ltda.
Todos os direitos reservados. Termos de Uso. Declaração de privacidade.